Investir na indústria cultural é reforçar a democracia

cultura.jpgAqui está um óptimo artigo sobre como a aposta no desenvolvimento das indústrias culturais e criativas pode ser uma alavanca estrutural para reforçar o sistema democrático. Isto porque a cultura vive da liberdade de criação.

Mas tal só se concretizará se o Estado conceber políticas públicas de fomento da indústria cultural resistindo à tentação de as utilizar como ferramenta de propaganda e instrumentalização política das elites artísticas e criativas.

Advertisements